20 Set NAFA Ver Todas
A arbitragem portuguesa viu aumentar para 25 o número de centros de treino para árbitros de futebol e futsal, na sequência da implementação do Programa Integrado Nacional de Aperfeiçoamento Técnico (PINAT).

Segundo a FPF, o processo de pedido de adesão dos Conselhos de Arbitragem das Associações Distritais e Regionais ao projeto contou com a candidatura de 25 centros de treino de árbitros de futebol e 15 centros de treino de árbitros de futsal. Após o processo de seleção, foram criados 17 novos centros (14 de futebol e três de futsal) distribuídos por todas as Associações do país, que, com os oito promovidos pela Liga, somam 25 centros no ano de lançamento do programa.

O PINAT é a estratégia de formação que cria centros de treino para árbitros de futebol e futsal, distribuídos pelas Associações Distritais e Regionais, com orientação especializada na preparação física, técnica e, quando possível, psicológica, seguindo uma planificação do gabinete técnico da Academia de Arbitragem.

A FPF oferecerá um apoio financeiro às Associações para a implementação do programa nos 17 centros, além dos oito promovidos diretamente pela Liga.

Para o presidente do Conselho de Arbitragem da FPF, Vítor Pereira, «está dado um passo importante para a melhoria das competências dos árbitros de todo o País», deixando em aberto a possibilidade de, nas próximas épocas, o número de centros de treino ser aumentado.